segundo kazuo ohno

k

Quando estão tristes ou contentes, vocês não conseguem enxergar nada. Fecham os olhos e não vêem mais nada. Mas não é possível dançar de olhos fechados. Os olhos devem estar bem abertos e dança-se sem olhar.
_____________

O olho do dançarino é importante no butoh e não se deve confundir com o olhar teatral. O olho do dançarino está mais próximo do olho de um peixe morto, que não transmite o que está dentro mas atravessa o ambiente e segue adiante.
_____________

O inseto corre em direção à luz sem desejo ou vontade, mas por necessidade. Assim deve agir o dançarino de butoh.
_____________

Os homens vivem com a consciência de que morrerão, no entanto esperam ter uma vida eterna. A eternidade é um dos argumentos do butoh. Ela cabe no instante, e esta consciência serve para ultrapassar as barreiras do corpo. A morte é inevitável, não podemos viver sem olhá-la. Não podemos fechar os olhos mas podemos torná-la alegre.
_____________

É preciso desabrochar até onde for possível, com toda alma.

Anúncios

Sobre patrícia noronha

artista pesquisadora da dança e do teatro, integra o corpo docente do departamento de artes corporais DACO/IA/UNICAMP, integrou por 16 anos o corpo docente do departamento de artes cênicas CAC/ECA/USP, dirige a cia. patrícia noronha PANAPANÁ dança e teatro.
Esse post foi publicado em blog e marcado , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s